quinta-feira, dezembro 25, 2008

Chega...

Declaro suas palavras insignificantes
Tudo que você disser não poderá ser usado
Contra você, contra mim ou qualquer outra pessoa
Que meu silêncio seja seu inferno
E a indiferença do mundo seu castigo

12 comentários:

Ana D disse...

Este texto...rs...Muito significativo...Em tempo:não poessoalmente à mim...kkkk...Ahh esta foto é meio andrógina...beijo

Aline Sprite disse...

Adorei a versatilidade!

E a respeito do google, ele já domina, meu bem =P

Feliz 2009, comparsa!

Beijos

Jana disse...

Eu sou alguém que nunca aprendeu a lidar com indiferença e sei o poder dessa palavra!

beijos

Naá :* disse...

Estou precisando aprender a dar uns "Chegas" nesse em pessoas idiotas ao meu derredor.
xP

Veei, conheci a Mixtape a uns dias, viciei tbm hihi!

Abafa!
Abraços!

Mary West disse...

Tb preciso aprender isso. Sou muito tolerante e naum deveria ser tanto. ;)

Thiago disse...

Um dia aprendo a ser assim!

Aline Sprite disse...

bom, a indiferença sempre é um castigo.

Pitango disse...

Medo!

ventania disse...

Eu tenho coração de manteiga, não consigo ignorar alguém seriamente por muito tempo. Acho que a indiferença é o verdadeiro oposto do amor, porque o ódio pelo menos é alguma coisa, já a indiferença é o desprezo total.

;*

Ana D disse...

E ? Não vai ter mais ? rsrs

Constelações disse...

Interessante!!!

Uma critica que toca de forma sutil um direito constitucional do preso de modo ironico,onde se valoriza a indiferença e o desprezo como pena a qualquer palavra indesejada.
Seria interessante se as pessoas agissem assim após uma ofensa, ao invés de praticarem crimes.

Muito criativo.Adorei!!!

Leka disse...

oi, como faço pra te add? gostei do teu blog. bjinhus